Categoryconhecimento

O que faz com que bons líderes sejam excelentes?

Li esse artigo e achei bem interessante compartilhar…

Por Stephen Orban, Head of Enterprise Strategy (link Original)

“É a falta de clareza que gera caos e frustração. Essas emoções são um veneno para qualquer objetivo existente”. –
Steve Maraboli

Líderes lideram de muitas maneiras diferentes. Alguns pelo medo, outros pelo exemplo, pelo carisma ou por meio de outras pessoas. E embora cada o estilo de cada líder seja um pouco diferente, a experiência me ensinou que algo nunca muda: é mais provável que as pessoas sigam alguém que elas compreendem.

As pessoas acreditam naquilo que são capazes de compreender. Quando se trata de gerenciamento de mudanças, as pessoas tipicamente se voltam para aquilo que estão acostumadas ( o status quo ) quando não’ entendem a direção na qual estão sendo orientadas. Os líderes podem resolver esse dilema fornecendo direções claras e concisas. A habilidade de fornecer clareza quanto aos objetivos é o que separa os grandes líderes dos bons.

Recentemente, escrevi que os executivos de tecnologia de hoje devem considerar-se diretores de gerenciamento de alterações (CCMOTM) ao liderarem a jornada para a nuvem em suas organizações. Além de gerenciar a fusão entre os negócios e a tecnologia, o CCMO também é responsável por fornecer clareza quanto aos objetivos. Isso significa ser capaz de articular a sua estratégia, saber como a sua equipe se encaixa nessa estratégia, onde há e onde não há flexibilidade, manter-se determinado e manter-se paciente.

As organizações migram para a nuvem por diferentes motivos : para economizar dinheiro, expandir globalmente, aprimorar a postura quanto à segurança ou ainda para melhorar a agilidade. Em minha experiência,descobri que as empresas começam a adotar a nuvem como uma plataforma em toda a organização ao perceber como ela os ajuda a dedicar mais recursos ao que importa aos negócios. Essas atividades são as que mais importam para os seus clientes e partes interessadas. E, a menos que você seja um provedor de infraestrutura, essas atividades não estão relacionadas ao gerenciamento de infraestrutura.

Sejam quais forem as suas motivações a curto ou longo prazo, recomendo que você as comunique e faça com que elas sejam mensuráveis. Articule suas motivações e objetivos claramente junto à sua equipe e às partes interessadas e faça com que todos sejam responsáveis por mover a agulha na direção certa.

No início do meu cargo de liderança, eu pensava – ingenuamente – que só porque eu era o chefe todos fariam o que eu dissesse. Eu aprendi da maneira difícil que, é claro, não é assim que a liderança funciona. Foi quando eu comecei a articular claramente o que era importante sobre a nossa estratégia que o comportamento da minha equipe começou a mudar. Antes de apresentar uma nova ideia ou objetivo à minha
equipe, eu tinha que considerar como todos se enquadravam na estratégia e como ela se relacionava aos negócios e à carreira de cada um. Em seguida, tinha que aproveitar todas as oportunidades para reforçar esses pontos.

Isso significava falar da estratégia em reuniões trimestrais, em blogs internos, durante sessões de planejamento de sprints e usar cada reunião como uma oportunidade de relacionar o trabalho que estava sendo discutido com a nossa estratégia. Às vezes parecia redundante, mas quanto maior a sua equipe, menor a probabilidade de que cada indivíduo tenha a oportunidade de ouvi-lo regularmente. Manter-se determinado e ser consistente com a sua comunicação é fundamental.

O medo do desconhecido é um dos pontos de atrito mais comuns em qualquer programa de gerenciamento de mudanças. Falarei sobre esse tema em um próximo post, onde abordarei a melhor prática “Educar a equipe” da jornada para a nuvem. Vale mencionar nesse contexto que uma excelente maneira como os líderes podem resolver esse atrito é fornecer clareza a todos na equipe sobre o que acontecerá com suas funções.

Deixar claro quais são as opções de cada um à luz da mudança de direção dará a eles um caminho claro para compreender como podem participar e, provavelmente, alguma tranquilidade. Quando eu era o CIO na Dow Jones, fornecemos treinamento a todos no departamento e também a oportunidade de migrar para novas funções na empresa. Deixamos claro que queríamos que todos fizessem parte da jornada, e às
vezes isso significava que eles precisariam assumir uma nova posição. Era do interesse de todos aproveitar a riqueza de conhecimento institucional que eles possuíam e, em muitos casos, esse conhecimento tornou-se ainda mais valioso quando direcionado a uma área ou disciplina diferente. É difícil substituir esse conhecimento, e eu diria que você deve esforçar-se ao máximo para mantê-lo.

Em praticamente qualquer estratégia que envolva mudanças, haverá alguns elementos ao quais você precisará ater-se firmemente e outros que podem ser mais sugestivos. Deixar claro para a sua equipe quais pertencem a cada grupo dá a todos a oportunidade de continuar ampliando os limites nas áreas adequadas e mostra que a organização ainda está disposta a aprender.

Na Dow Jones, tornamos a automação um requisito rígido para tudo o que fizemos no início da nossa jornada. Depois de tornar-nos suficientemente qualificados com nossas operações na nuvem, pudemos fazer casos de negócios financeiramente atrativos para migrar dezenas de datacenters para a AWS. Nesse momento, uma estratégia “levantar e mudar” era mais adequada para mover-nos na direção desses objetivos. Isso exigia alguma clareza quanto aos objetivos – tínhamos que comunicar isso várias vezes – para funcionar, mas uma vez que afrouxamos a restrição em relação à automação e aplicamos uma variedade de técnicas de migração, nosso progresso acelerou substancialmente.

A jornada para a nuvem de toda empresa vai encontrar alguns obstáculos no caminho. Gostaria de poder dizer que tudo vai ser perfeito e que o setor já descobriu como prescrever o que cada empresa deve fazer em cada
etapa. Na AWS, temos o compromisso de tornar-nos mais prescritivos com base no que vemos funcionar para os nossos clientes; porém, é improvável que todo o processo chegue a ter uma solução totalmente pronta. Descobri que é melhor tratar os obstáculos que você encontra no caminho como oportunidades de aprendizado, não castigar sua equipe por cometer erros (embora você não deva aceitar o mesmo erro duas vezes) e abordar prontamente ceticismo que vai contra o seu objetivo. Não deixe aqueles que estariam mais confortáveis permanecendo no status quo influenciarem o potencial da sua visão. Isso nem sempre é fácil, mas a sua paciência e perseverança serão compensadas.

Lembre-se, a prática faz a permanência. O que funcionou para você? Eu adoraria saber mais sobre isso.

Continue criando,
Stephen
@stephenorban

http://aws.amazon.com/enterprise/

Nota: oferecer suporte executivo é a primeira das sete melhores práticas sobre as quais estou escrevendo em minha nova série Jornada da nuvem corporativa. As outras seis são:informar a equipe, criar uma cultura de experimentação, atrair parceiros, criar um centro de excelência, implementar uma arquitetura híbrida e implementar uma política que prioriza a nuvem. Fique ligado para saber mais sobre estes assuntos.

O treinamento da elite da marinha americana pode nos ajudar com algumas frases inspiradoras

seal-navy-700x437

O treinamento Basic Underwater Demolition dos SEALs não é conhecido por ser um treinamento confortável.

O processo de seleção de 6 meses elimina 80% de seus voluntários, a ponto de empurrá-los para a aniquilação mental.

Olhando para trás, algumas citações do curso são altamente inspiradoras. Algumas citações se repetem por 2 razões: primeiro, para selar o senso de humor dos instrutores.

E, por outro lado, para ensinar uma outra maneira de pensar – correr com um barco em suas cabeças não é o suficiente.

Aqui estão 9 citações inspiraras no curso dos SEALs:

  • Vale a pena ser um vencedor. A competição é o cerne da mentalidade de um empreendedor. Enquanto o dinheiro é um motivador, muitos empreendedores perseguem seus sonhos para cumprir a necessidade da autonomia, liberdade ou para oferecer algo único.
  • Talvez sim, talvez não, valha a pena ser um vencedor.Obviamente tudo tem um prazo de validade. A melhoria exige auto-consciência para saber quando acelerar seus esforços e quando simplesmente estacioná-los.
  • Nós não vamos parar até pelo menos 1 pessoa desistir. Não existe um estágio final para um empreendedor. Apenas o próximo estágio.
  • Nada dura para sempre. O sucesso vem para os teimosos que optam por ignorar o desconforto temporário para uma estratégia de valor, de longo prazo.
  • Você não tem que gostar, apenas tem que fazer. Às vezes, você só precisa colocar a sua cabeça para baixo, ranger os dentes e correr para a briga.
  • Empurre-os pra fora. Quer se trate de um erro em um conflito armado ou nos negócios, há egos, vidas e meios de subsistência em jogo quando as decisões dão errado.
  • Se você vai ser estúpido, é melhor ser duro. Todos nós vivemos com o poder da escolha, e se você optar por fazer errado, esteja preparado para colher tempestades.
  • Há 2 maneiras de fazer as coisas: o caminho certo e tentar novamente. Se uma determinada tarefa vale a pena o seu esforço de tempo e energia, então vale a pena fazer do jeito certo.
  • Tudo é sobre a mente sobre a matéria. Empreendedores compartilham muitas características em comum, como nadar contra a correnteza apesar do risco. Nada mais lhes interessa.

___

Este artigo foi adaptado do original, “10 Inspirational Quotes from Navy SEAL Training”, da Entrepreneur.

How to get Netflix streaming on Ubuntu 12.10

Very Interesting post!

December 10, 2012, 7:00 AM PST

Takeaway: It’s taken quite some time, but Netflix streaming video has finally arrived on the Ubuntu Linux desktop. In this easy, step-by-step, Jack Wallen shows you how.

 

In one of my recent blog posts, I mentioned that Netflix streaming was now available for the Ubuntu 12.10 desktop. I’ve used it — it works like a champ. Any title in your Netflix library will play and play as expected. This means, for Linux users, no more having to depend upon streaming devices or watching Netflix on your WII or PS3. Now you too can enjoy Netflix as was promised long ago by the company itself.This Netflix app is due to the hard work of programmer extraordinaire, Erich Hoover. With the help of WINEFirefox, and Silverlight, Hoover was able to make this happen. Obviously, FOSS purists will turn their nose up at two things:

  • Silverlight
  • DRM

But, if you want streaming Netflix on your Linux desktop… you’ve no choice. When it comes to Hollywood, DRM is not going anywhere… ever.

The installation of Netflix on Ubuntu isn’t hard. In fact, it’s quite easy. It does, however, take some time.

Installation

Before you tackle this task, make sure your machine is fully updated. You can either do this from the update manager or from the command line. If from the command line, do the following:

  1. Open a terminal window
  2. Issue the command sudo apt-get update
  3. Enter your sudo password
  4. Once the update completes, issue the command sudo apt-get upgrade
  5. Accept the updates
  6. If prompted (in case of a kernel upgrade), reboot the machine

Now that your machine is fully prepped, it’s time to install the Netflix Desktop app. Here are the steps:

  1. Open up a terminal window
  2. Issue the command sudo apt-add-repository ppa:ehoover/compholio
  3. Hit Enter
  4. Issue the command sudo apt-get update
  5. Issue the command sudo apt-get install netflix-desktop

At this point you will see quite a large number of dependencies necessary for the installation (129 to be exact). Say OK to this and the installation will begin. Depending upon the speed of your network connection, this could take some time. Once that’s done, do the following:

  1. Open the Unity Dash
  2. Type netflix
  3. Click Install on the Wine Mono Installer (this is necessary for .NET)
  4. Click Install on the Wine Gecko Installer (this is necessary for embedded HTML to work properly)
  5. If you get an error, OK the error (I had this same thing happen on two machines — everything worked fine anyway)
  6. Allow the local installation to complete

At this point the Netflix Desktop application will open in full screen mode. To get out of that mode, hit F11. You will also find a new Firefox icon on your desktop. You can delete that if you like.

That’s it. You are now ready to enjoy streaming Netflix on your Ubuntu Linux desktop.

 

 

Install Classic Menu Indicator in Ubuntu 12.04

The classic menu indicator is now available to Ubuntu 12.04 LTS Precise Pangolin and the earlier releases Oneiric and Natty as well. It will add a quite similar Gnome classic menu with sub menus for applications and system settings menus. Install Classic Menu Indicator in Ubuntu 12.04 Precise Pangolin/11.10 Oneiric/11.04 Natty

Classic Menu

Installation of Classic Indicator, open Terminal and enter following commands:

Now Press Alt+F2 and enter following command to start indicator:

Build Your Checklist

The Weekly Review: How One Hour Can Save You A Week’s Worth of Hassle and Headache

A weekly review checklist is an essential tool to making sure you touch on all three of the pillars mentioned above. Here’s what a basic review checklist looks like, courtesy of GTD TimesPhoto by Karuka (Shutterstock).

Get Clear

  • Collect loose papers and materials
  • Get Inbox to zero
  • Empty your head

Get Current

  • Review Action Lists
  • Review past calendar data
  • Review upcoming calendar
  • Review Waiting For list
  • Review Project (and larger outcome) lists
  • Review any relevant checklists

Get Creative

  • Review Someday/Maybe
  • Be creative and courageous

If you need more detail, David Allen offers a template checklist (free, but requires registration) on his site to get you started, and this one (scroll down to weekly review) is another good example. On the GTD forums, some users have shared their own checklists for inspiration. Whether you use a template or build yours from scratch (and it doesn’t have to be long—just those things you want to make sure you do every week), make sure you populate it with things you want to review and not do. Remember, you’re not supposed to spend time working during your weekly review—just reviewing.

© 2018 Ziben IT Solutions

Theme by Anders NorénUp ↑